O que é Público-Alvo: Exemplos e Como Definir o Seu

Imagem com bonecos ilustrativos em cima de um alvo, para exemplificar o que é público-alvo

Imagino que você esteja procurando formas de alcançar os melhores potenciais clientes para o seu negócio, certo? Por isso você quer saber o que é público-alvo!

Primeiramente, gostaria de te parabenizar por procurar aprender cada vez mais. Isso é fundamental para ter sucesso no empreendedorismo e na vida.

Dito isso, você está no lugar certo!

Quando comecei a trabalhar com Marketing Digital, lá em 2018, produzi conteúdo sem ter bem definido para quem eu estava falando.

Isso me fez perder muito tempo! Afinal, o que eu escrevia não estava conectado com quem eu gostaria de atrair. Ou seja, eu não estava atraindo potenciais clientes.

E atrair pessoas curiosas, que provavelmente nunca irão comprar nada, não é uma boa estratégia.

Definir o seu público-alvo é um dos mais importantes passos para qualquer negócio ter sucesso, principalmente se está iniciando agora.

Então, evite começar do jeito errado como eu, e leia o artigo até o fim.

Nesse artigo você vai aprender:

  • O que é público-alvo;
  • Diferença entre público-alvo e persona;
  • Como definir o seu;
  • Exemplos de público-alvo;

Agora vamos para o conteúdo!

O que é Público-Alvo?

Público-alvo é um grupo demográfico de pessoas com a maior chance de se interessar pelo produto ou serviço de uma empresa.

Ou seja, é um grupo de pessoas com potencial de se tornarem clientes, que tenham características demográficas em comum. Essas características incluem, mas não se limitam a:

  • Idade
  • Gênero
  • Estado Civil
  • Localização
  • Ocupação
  • Nível socioeconômico e educacional

Além dos dados demográficos, essas pessoas também podem ter objetivos de vida, interesses e desafios em comum.

Quanto mais dados você conseguir coletar sobre seus clientes, mais assertiva será sua comunicação com eles.

E quanto mais assertiva, maiores as chances de vender.

Quando você identifica quem é seu potencial cliente, suas estratégias de marketing se tornam mais eficazes. Em vez de gastar tempo e dinheiro divulgando seus produtos para “todo mundo”, você direciona as ações para aquelas pessoas que realmente querem comprar.

Diferença de Público-Alvo e Persona

Essa é uma confusão que acontece com frequência. Você já deve ter ouvido falar sobre persona também.

Mas afinal, qual a diferença?

O público-alvo é uma parcela da população com características em comum e com potencial de se tornarem clientes. Enquanto persona é um personagem fictício que representa o público-alvo.

Todo e qualquer negócio deve ter definido seu público e sua persona. Afinal, quando você sabe quem quer atrair, você tem muito mais chance de ter sucesso.

Por outro lado, quando você quer atingir todo mundo, acaba gastando tempo e energia sem ter resultado. Isso vale também (e principalmente) para suas estratégias em redes sociais!

Exemplo de Público-Alvo para Confeitaria:

Suponhamos que você trabalhe com bolos de casamento. Seu público-alvo poderia ser:

Mulheres com idade entre 25 e 35 anos, noivas, residentes de Florianópolis, com ensino superior, com renda entre R$ 5000 e R$ 8000, apaixonadas por arte e decoração.

Percebe como essa parcela da população tem uma chance maior de se interessar pelo seu produto?

Afinal, são mulheres que se têm interesse por decoração, com uma renda consideravelmente boa, numa faixa etária que geralmente estão pensando no casamento.

Não faria sentido incluir nesse exemplo pessoas com menos de 18 anos, por exemplo.

Exemplo de Persona

Depois disso, veja como você poderia definir a persona:

Heloisa, 29 anos, mora em Florianópolis. Possui graduação em Direito e recentemente ficou noiva. Gosta de praticar atividades ao ar livre e tem a família como seu maior presente. Ela gosta de seguir perfis sobre decoração em geral, e tem um sonho de ter um casamento incrível. Por isso, se preocupa em ter um lindo bolo de casamento, que seus convidados irão lembrar para sempre.

Enquanto o público-alvo é uma definição genérica e abrangente, a persona é bem mais específica e detalhada.

Se quiser saber mais sobre como criar a sua persona, leia nosso artigo:

Como Definir Seu Público-Alvo

Primeiramente, a melhor maneira de iniciar a criação do seu público-alvo é pensar no problema que o seu produto ou serviço resolve.

Em seguida, pensar quais pessoas possuem essa dor.

Por exemplo, voltando ao exemplo anterior, se você vende bolos para casamento o seu público-alvo tende a ser mulheres iniciando a vida adulta e constituindo uma família. Geralmente com uma renda mais alta, dispostas a gastar um pouquinho mais para deixar tudo lindo.

Em segundo lugar, é importante fazer uma pesquisa mais aprofundada. Se você já possui clientes, pode fazer enquetes ou formulários para eles responderem no seu processo de pós venda.

Uma possibilidade é oferecer algum brinde ou desconto em troca das respostas, para aumentar a adesão.

Procure prestar atenção também nos seus seguidores nas redes sociais. Qual a idade média deles, gênero, interesses e perfis que seguem.

Entretanto, se você não tem clientes e nem audiência, pode investigar algum concorrente próximo.

Basta gastar um tempo investigando quem são esses seguidores e você já consegue ter uma noção bem melhor de quem pode ser o seu público-alvo.

Planner da Confeiteira- Doce Venda Digital

Conclusão

Em conclusão, quero avisar que você não pode virar um refém do seu público-alvo.

Ao mesmo tempo que ele é importantíssimo para suas estratégias de marketing, ele é passível de erro. Ou seja, você pode acabar excluindo uma parcela da população que tem interesse no produto.

Por isso é importante usá-lo como linha de base, e não como um fim para tudo.

Posteriormente, conforme o seu negócio cresce, é preciso revisar o seu público-alvo e ajustar o que for preciso.

Dessa forma, sua comunicação será cada vez mais assertiva. E você já sabe o quão importante é criar relacionamento com o potencial cliente, certo?

Portanto, não cometa o mesmo erro que eu cometi e crie logo o seu público-alvo!

Ficou com alguma dúvida? Esse conteúdo te ajudou? Comenta aqui embaixo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *