Como Saber Se Um Ovo Está Estragado?

Sendo confeiteira profissional ou não, a verdade é que ninguém quer perder uma receita inteira por causa de um ingrediente estragado. Afinal, além de ter prejuízo, você pode colocar em risco a saúde de outras pessoas e a sua também. Pensando nisso, decidimos esclarecer de uma vez por todas como saber se um ovo está estragado ou não.

Entretanto, antes de começar é importante deixar claro que esses testes servem para ter uma estimativa se o ovo está fresco ou velho, e não se está contaminado.

Ou seja, mesmo que o ovo esteja aparentemente super fresco, não quer dizer que não esteja contaminado com bactérias.

Afinal, a Salmonella (principal bactéria causadora de intoxicação nesses casos) contamina os ovos através das fezes das galinhas. Além disso, obviamente as bactérias não são vistas a olho nu. Essa bactéria pode ser encontrada tanto na casca do ovo quanto na clara e gema.

A seguir, vamos mostrar como saber se um ovo está bom para o consumo e os cuidados a serem tomados em relação a higiene.

Confira:

como saber se um ovo está estragado

Formas de saber se o ovo está estragado

1. Coloque-o em um copo com água

Talvez esse seja o teste mais popular. Basta colocar o ovo dentro de um copo cheio d’água e observar se ele boia ou afunda. Mas afinal, ovo estragado boia ou afunda?

Quando o ovo está estragado, ele boia! Por que?

Isso acontece porque com o passar do tempo, a água presente no ovo evapora através de minúsculos poros presentes na casca. Dessa forma será formada uma bolha de ar dentro do ovo, fazendo ele boiar.

Portanto, quanto mais à superfície ele ficar, mais velho está.

E o contrário é verdadeiro: quanto mais fresco, mais no fundo ele fica.

2. Quebre-o em uma tigela separada

Essa é uma dica importante para quem vai fazer uma receita deliciosa que leva ovo. NUNCA quebre os ovos diretamente dentro da receita. A forma certa é quebra-los em uma tigela separada para sentir o cheiro antes de acrescentar à receita.

Apesar de a técnica do ovo no copo ser confiável, não é verdadeira em 100% dos casos. Especialistas afirmam que a maneira mais confiável de todas é sentir o cheiro mesmo.

3. Teste do ovo com lanterna

O teste da lanterna também pode ser útil para saber se um ovo está estragado. Entretanto, ele exige um pouco mais de prática para você conhecer qual é o padrão correto do brilho.

Como é feito: basta encostar a ponta mais fina do ovo em uma lanterna (pode ser a do celular) e ver o padrão da coloração. Quanto mais claro (translúcido) o brilho do ovo, melhor. Se estiver muito escurecido, provavelmente está velho.

teste da lanterna para saber se um ovo está estragado

Cuidados para consumir ovos

Uma prática bastante comum no Brasil é lavar os ovos quando chega do mercado, antes de guardar na geladeira. Mas afinal, isso está correto?

A resposta é não!

Isso aumenta a chance de você contaminar a parte interna do ovo, introduzindo bactérias através das pequenas porosidades que estão presentes na casca.

Apesar de ainda não existir nenhuma regulamentação quanto a isso, a maioria das empresas fornecedoras de ovos fazem um processo de limpeza com água potável e cloro a uma temperatura adequada, para que o conteúdo do ovo se expanda e empurre a sujeira e os contaminantes para longe dos poros da casca.

O que você pode fazer é apenas lavar com água corrente imediatamente antes do consumo, sem esfregar.

Vale lembrar que a única forma de evitar a intoxicação por Salmonella é através do cozimento do ovo. Nenhum método de limpeza e cuidado é 100% eficaz em eliminar essa bactéria. Portanto, evite comer o ovo cru.

Armazenamento

O ideal é que os ovos sejam armazenados refrigerados em recipientes bem limpos. E, ao contrário do que se pensa, eles não devem ficar na porta da geladeira pois a mudança frequente de temperatura envelhecem mais rapidamente o ovo.

Além disso, evite guardá-los próximo a outros alimentos com odores fortes ou crus. Pois, como já foi dito, eles possuem muitas porosidades e podem sofrer contaminação cruzada com outros alimentos.

Conclusão

Como você pode perceber, existem algumas formas bem simples para ter ideia se o ovo está bom para consumo ou está estragado.

Entretanto, isso não exclui a necessidade de armazenar da forma correta e tomar as precauções essenciais para evitar intoxicação alimentar.

Portanto, tome os cuidados devidos e prepare as melhores receitas para sua família e amigos!

Gostou do conteúdo? Conte-nos nos comentários.

Aproveite e siga o Caminho da Maestria no Youtube, Facebook, Instagram e Pinterest também!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.